Ponte Academia Indústria

A PAI tem como objetivo trazer palestras e apresentar à comunidade acadêmica um vislumbre do mundo a ser enfrentado pelos alunos no mercado de trabalho. A entrada é franca.
13/novembro - A partir das 09:00 - Universidade Federal de Santa Maria


Unsplashed background img 1

location_on

Local


O evento ocorrerá no auditório do Anexo C no Centro de Tecnologia da Universidade Federal de Santa Maria, no dia 13 de novembro a partir das 9:00.

today

O que é a PAI?


O evento tem como propósito apresentar à comunidade acadêmica um vislumbre do mundo que aguarda os alunos quando eles passam a enfrentar o mercado de trabalho. Tecnologias e processos a aprender, decisões a tomar e rumos a seguir são alguns dos assuntos tratados, bem como a importância que uma formação sólida tem na vida dos profissionais da área de computação.

thumb_up

Palestras


As palestras oferecidas são ministradas por profissionais que irão trazer experiências enriquecedoras para alunos que estejam na transição da universidade para o mercado de trabalho.

A entrada na PAI será franca!


Cronograma

09:00 - Computação Científica aplicada ao Processamento Sísmico

Em linhas gerais, a Computação Científica pode ser caracterizada pelo conjunto de conhecimentos na área de Ciência da Computação que são tipicamente utilizados para a implementação eficiente de modelos matemáticos que representam um determinado fenômeno a ser estudado.
Por sua vez, o Processamento Sísmico (PS) é um método da Geofísica que utiliza os modelos matemáticos que regem a propagação de ondas para melhor entender a estrutura da subsuperfície da Terra.
Nesta apresentação, iremos ver como a implementação eficiente de algoritmos de Processamento Sísmico requer conhecimentos bem fundamentados em algoritmos, estruturas de dados e computação de alto desempenho.

10:30 - Há muita coisa para pensar além da tecnologia, somente.

A turma da Computação é preparada, é formada para resolver problemas, apresentar soluções para qualquer situação. A partir de uma solução desenvolvida, parece ser muito óbvio que esta solução é o suficiente para ganhar o mercado, afinal, a solução está pronta!!! Com base em várias experiências próprias e frustradas, o palestrante quer dar ênfase a multidisciplinaridade no empreendedorismo, a nova velocidade do mercado e outros pontos que podem fazer a diferença no sucesso de seu negócio.

Palestrante: Eduardo Kroth
13:30 - A Qualidade de Software no Banrisul

O Banrisul desenvolve sistemas em diversas linguagens de programação. Para todas elas existem padrões e normas de boas práticas a serem seguidos pelos desenvolvedores para que o sistema desenvolvido pelo banco seja de qualidade. Essas regras são validadas através de ferramentas automáticas integradas com as IDEs para aumentar a produtividade do desenvolvedor.
Para que isso seja possível, o Banrisul criou uma área específica para qualidade de software. Essa área é responsável por manter a documentação das regras atualizadas, fornecer treinamentos específicos, pesquisar novas regras, prestar suporte, entre outros. Existe também um grupo de revisores treinados que podem realizar inspeções de código (teste de caixa branca) com base em roteiros pré-definidos. Essas são algumas das questões que serão abordadas nessa apresentação.

15:00 - É possível conciliar academia e indústria?

Esta palestra tem como tema a difícil tarefa de conciliar atividades na academia e na indústria. Por exemplo, vale a pena fazer mestrado e doutorado para trabalhar na indústria? Se eu optar pela indústria, consigo voltar para a academia no futuro? É possível conciliar uma carreira acadêmica com atividades na indústria? Mais especificamente sobre a experiência na indústria, será apresentada uma visão geral do mercado de trabalho e das possibilidades de projetos nas áreas de Linux embarcado, programação baixo nível e redes de computadores.

Palestrante: Marcelo Veiga Neves
16:30 - Coffee Break!
17:00 - Visão Macro e competências mínimas

Somos todos os dias desafiados para sermos profissionais mais comprometidos e eficazes, o que o mercado precisa realmente? Qual a realidade das empresas? Que tipo profissional serei?

Palestrante: Santos Vianna

Palestrantes

Antônio C. P. de Azambujamore_vert

Petrobras

Palestra: Computação Científica aplicada ao Processamento Sísmico

Antônio Carlos P. de Azambujaclose

É bacharel em Informática pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e Mestre em Ciência da Computação, com enfoque em Computação Gráfica, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).
Trabalhou no Tecgraf (Laboratório de Computação Gráfica da PUC-Rio) como pesquisador júnior por 3 anos, desenvolvendo software na área de Visualização Científica aplicada à simulação de fluxo de fluidos em reservatórios naturais de petróleo. Há 13 anos, trabalha na Tecnologia Geofísica da Petrobras, implementando soluções computacionais para o Processamento Sísmico com enfoque em algoritmos, estrutura de dados e computação de alto desempenho.

Eduardo Krothmore_vert

Idealogic Software

Palestra: Há muita coisa para pensar além da tecnologia, somente.

Eduardo Krothclose

Eduardo Kroth é diretor e sócio-fundador da empresa. Trabalha na gestão da empresa, tanto na área administrativa como na área de desenvolvimento. Ele traçou as principais diretrizes da empresa e, através das contratações de seus colaboradores, foi "moldando a face" para a Idealogic. Gosta de atuar no levantamento de requisitos, na modelagem de dados e nas especificações. Deixou a programação há bastante tempo e parece não voltar mais. Além da Idealogic, Eduardo é professor do Departamento de Informática da UNISC, desde 1994, onde leciona nas áreas de Engenharia de Software e Banco de Dados. Concluiu mestrado em 1997, na UFRGS. Fora do trabalho, Eduardo joga tênis (de onde nasceu a ideia do Ideatennis), curte jardinagem, culinária, vida em família e degustação de vinhos. Para sempre, um escoteiro.

Márcio Trabuco Câmaramore_vert

Banrisul

Palestra: A Qualidade de Software no Banrisul

Márcio Trabuco Câmaraclose

Profissional em TI com mais de 10 anos de experiência na área. Bacharel em Ciência da Computação na Universidade Católica do Salvador. Possui Pós-Graduação em Tecnologias Aplicadas a Sistemas de Informação com Métodos Ágeis pela UniRitter e as certificações SCJP 5.0 e SCWCD 5.0. Atualmente é coordenador na área de Qualidade de Software e instrutor de Programação Orientada a Objetos e Java no Banrisul.

Marcelo Veiga Nevesmore_vert

PUC-RS

Palestra: É possível conciliar academia e indústria?

Marcelo Veiga Nevesclose

Marcelo Veiga Neves é um professor adjunto e pesquisador na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Ele é doutor em Ciência da Computação pela PUCRS, mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Paralelo à vida acadêmica, Marcelo tem mais de 8 anos de experiência na indústria, tendo trabalhado em diversos projetos envolvendo Linux, sistemas embarcados e redes de computadores.

Santos Vianamore_vert

Megatecnologia

Palestra: Visão Macro e competências mínimas

Santos Vianaclose

Sócio da empresa Megatecnologia, graduado em Gestão Comercial, diretor da AJESM, sócio da Nano Cervejaria Boca do Monte e Coordenador do Grupo Centrosoftware.